Internet segura é tema de aulas no Colégio Objetivo


Navegar on-line é, sem dúvidas, uma das melhores formas de entrar em contato com outras realidades, obter conhecimento, informar-se e estudar. Apesar disso, manter a internet segura para crianças e jovens pode ser desafiador.

Buscando orientar os alunos dos Ensinos Fundamental e Médio, o Colégio Objetivo promove aulas especiais e palestras sobre o tema Internet Segura.

“Nosso trabalho de conscientização nunca para. Desenvolvemos várias atividades por faixa etária. Utilizamos o ensino híbrido para favorecer o engajamento dos alunos. Explicamos sobre usar a internet de forma inteligente e ética”, explica Mônica Valls, coordenadora de Tecnologia da Educação Infantil e do 1º ao 5º ano do Ensino Fundamental.

Diferentes metodologias são utilizadas nas séries inicias do Ensino Fundamental. A proposta é promover aulas lúdicas, a fim de aguçar a curiosidade das crianças. Os alunos do 2º ano aprenderam sobre a função da hashtag, que é a união de uma palavra-chave e do símbolo da cerquilha (#), usado na internet. As turmas do 3º ano colocaram a mão na massa e criaram um personagem que simulou um vírus de computador . No 4º ano, o tema Usando a internet de forma inteligente norteou os trabalhos. O 5º ano, por exemplo, foi dividido em grupos, e os alunos participaram de diversas estações para aprenderem sobre a importância do sigilo na rede.

A discussão sobre o uso inteligente da internet também orientou as aulas do 6º ao 9º ano do Ensino Fundamental e as aulas do Ensino Médio. “Nossa proposta é mostrar os perigos a internet. Mostramos os cuidados que se deve tomar ao adicionar alguém na rede social, com o que postamos na internet e compartilhamos. Eles precisam zelar pela segurança virtual e fazer uso da internet de forma responsável”, afirma o coordenador do curso de Programação e Robótica dos Ensinos Fundamental e Médio, Esmeraldo Caniloi Júnior.

A aluna Amanda Suleibe conta que a aula foi importante, pois ela recebeu dicas de como usar a internet com segurança. “Me ajudou (sic) a ter um conhecimento maior sobre os riscos que estou (sic) exposta”, declara.

As fakenews também foram assunto discutido em sala de aula. “Mesmo a internet sendo muito útil, ela pode ser prejudicial para algumas pessoas, por isso, é necessário sempre ler os termos de política e privacidade dos aplicativos. Antes de compartilharmos qualquer notícia, temos que consultar se a fonte é segura. Não devemos disseminar as fakenews”, alerta o aluno Guilherme Navarro.

Vídeos Relacionados

Fotos Relacionadas